Depilação Definitiva
Depilação Definitiva

A fotodepilação é um novo e moderno método de depilação que está disponível no mercado. O procedimento é não invasivo e possui a finalidade de remover os pêlos indesejados. Através da fotodepilação é possível destruir os pêlos, assim como também os folículos pilosos que são os produtores. O método utilizado é a Luz Pulsada Intensa, mais conhecida por IPL. A luz é absorvida em grande parte pela melanina, e assim conseguimos garantir uma depilação definitiva praticamente em todos os pêlos. No entanto é impossivel garantir que os foliculos não venham a surgir novamente. A nossa pele é um orgão vivo que se altera de tempos em tempos, e como tal, o pêlo poderá voltar. Por isso é aconselhado a fazer uma manutenção de vez em quando. O procedimento pode ser feito tanto em homens quanto em mulheres. O crescimento dos pelos é algo que realmente incomoda muito homens e mulheres. Apesar da fotodepilação ser não invasiva e não perigosa é importante ter em conta alguns aspectos, que podem ser determinantes na sua decisão em iniciar o tratamento.

Quando é indicada?
A técnica de fotodepilação é indicada em casos de pêlos excessivos e indesejados. Tanto homens quanto mulheres podem submeter-se ao procedimento.

Quando não é indicada?
Em casos de gravidez, problemas de coração e cancro não deve fazer a depilação definitiva. Em cima de tatuagens também não é possivel utilizar esta técnica. Certos medicamentos também podem interferir no resultado, portanto é muito importante tirar todas as suas duvidas, e expor todas as suas condicionantes com um profissional, antes de se submeter ao tratamento.

Qual é o procedimento?
Durante o processo os folículos pilosos são destruídos. São lançados flashes de luz controlados sobre os locais a tratar. O aquecimento na área é praticamente indolor. Para que os resultados sejam os melhores possíveis, a energia enviada aos pêlos pela máquina deve ser devidamente absorvida.  A luz passa através da pele e é recebida pela melanina. A alta potência destrói os folículos, no entanto, não prejudica os tecidos localizados à volta. A duração do tratamento varia de acordo com o propósito e com o organismo do paciente. A área a ser tratada, as características da pele, o sexo e idade, por exemplo, são também fatores que influem na duração. O tempo de cada sessão também varia de acordo com a extensão do local e com a quantidade de pelos.
Após cada procedimento os pêlos vão caindo gradualmente. Geralmente é preciso esperar por volta de 2 a 3 semanas para ver o resultado completo. Após este período o folículo já pode ser considerado inativo.

Quais são os preparativos?
A fotodepilação precisa ser feita em uma pele que esteja limpa, de forma a reduzir o desconforto e a garantir melhores resultados. É indicado comparecer ao local no horário combinado para que todos os preparativos sejam realizados. O pêlo deve estar cortado antes da sessão (preferencialmente 2 dias).
Um gel é aplicado sobre a pele antes de se dar início ao tratamento. O intervalo entre sessões deve ser cerca de 1 mês.
De uma forma geral a fotodepilação não necessita de muitos preparativos. É importante, no entanto, conversar com o profissional caso faça uso constante de medicamentos. Certos fármacos fotossensibilizantes podem interferir no resultado de maneira negativa. Portanto, não se esqueça de informar sempre o profissional.

Riscos e efeitos colaterais
A fotodepilação envolve alguns riscos e efeitos colaterais, assim como todos os outros métodos que atuam no corpo humano. É possível, por exemplo, o surgimento de queimaduras devido ao aquecimento da área a ser tratada, assim como alterações de pele.
O procedimento não pode ser feito em pessoas muito bronzeadas. Quem possui a pele sensível pode sair das sessões com vermelhidão. Os resultados são mais visíveis em indivíduos com pele branca e com cabelos escuros.
Uma vermelhidão pode restar no local durante algum tempo, no entanto, este efeito varia de pessoa para pessoa. Diante de sinais estranhos é imprescindível conversar com o profissional que realizou o procedimento. Somente ele poderá avaliar se há ou não problemas associados ao caso.

O que ocorre após o procedimento
Após cada sessão é importante proteger a pele do sol. Para tal é preciso fazer uso constante de protetor solar, e evitar bronzeamentos artificias e/ou exposição directa ao sol nos dois dias seguintes. É ideal fazer uma boa hidratação da pele, principalmente nos dias próximos à sessão.
Além dos cuidados com a exposição solar quase nenhuma outra medida é requerida.

A fotodepilação é um procedimento que garante um bom e prolongado resultado. Caso sofra com pêlos indesejados não deixe de considerar este método.

Feminina – Pack 6 sessões
Buço ou queixo – 59€
Axila ou Virilha – 59€
Buço + Queixo – 69€
Virilha Completa – 69€
Axila + Virilha – 89€
Barriga ou Costas – 99€
Meia Perna ou Braços – 99€
Meia Perna + Virilha – 109€
Perna Inteira – 119€
Meia Perna + Virilha + Axila – 129€
Perna inteira + virilha – 149€
Perna Inteira + Virilha + Axila – 169€
Corpo inteiro – 199€

Masculino – Pack 6 sessões
Delinear Barba ou Pescoço – 59€
Axila ou Mãos – 79€
Peito ou Abdomen – 89€
Costas ou Braços – 99€
Virilha – 99€
Peito + Abdomen – 119€
Peito + Abdomen + Axilas – 129€
Peito + Abdomen + Costas – 159€
Perna Inteira – 169€
Peito + Abdomen + Costas + Axilas – 189€
Peito + Abdomen + Costas + Axilas + Braços – 209€
Corpo inteiro – 269€